A vida de modelo em São Paulo

Ei modeletes, queria dizer que estou viva! Hahah.. Fiquei um tempinho sem postar por motivos de correrias loucas, mas tamo de volta com muito post bacana pra vocês 😉

Hoje o assunto é sobre ser modelo em São Paulo, ainda não vivenciei essa experiência, mas ela é uma das minhas aspirações. Dessa forma, conversei com algumas modelos que moram lá e fiz um apanhado das minhas dúvidas pra gente entender um pouco mais sobre essa rotina.

Principais motivações

Quando se trata de sair da sua cidade e ir modelar em São Paulo, as principais motivações incluem a vontade de vivenciar a experiência, o interesse no desenvolvimento da carreira e a busca por mais oportunidades de reconhecimento e crescimento.

7889c1aff116a85320e8d856e1131290

O início

As primeiras providências quando a modelo é agenciada em Sp são relacionadas à sua imagem, ou seja, elas precisam entrar nas medidas, geralmente cortar o cabelo e fazer material (fotos). Então demora cerca de um mês pra modelo começar a ir em castings e fazer trabalhos propriamente ditos.

e881533e73f4b31c7d7e8592a8fad3b2

Frequência de castings

A frequência de castings depende muito da semana e do mercado. Têm semanas que as models fazem 1 ou 2 castings por dia e têm semanas que há apenas 1 na semana inteira. Daí é bem inconstante mesmo.

Preparação e rotina saudável

Para se preparar para castings maiores como Fashion Week é preciso ter muita disciplina e foco viu? Têm meninas que além de cuidarem muito bem da alimentação fazem academia duas vezes ao dia! (sim, isso mesmo, 2 vezes no dia =O). Nesse processo o auxílio de nutricionista é essencial para que sua dieta seja saudável e rica em nutrientes. Beber muita água e fazer treinos aeróbicos são as principais dicas das modeletes.

e68949104436afea1d12dcadd806f8df

Deslocamento pela cidade

Uma das minhas principais dúvidas e receios é quanto ao deslocamento pela cidade de São Paulo, já que é super grande né. Não sei como as meninas se adaptam tão rápido, acho que eu ficaria perdidassa lá kkk. Segundo as models, os principais meios de transporte que elas utilizam são o metrô e o busão mesmo (que é bem mais barato), nessas horas os aplicativos são os principais aliados. Sair de casa com muita antecedência também é primordial. Mas se o destino for perto ou se houver atrasos a preferência é pelo uber mesmo, rsrs.

Disseram que você se acostuma ao ritmo acelerado da cidade e que tem até seus lados bons. Realmente acredito que o sistema de transporte de SP é bem melhor que o de BH, metrô é bem mais rápido, mas confesso que tenho um pouco de medo (menina da roça feelings hahhaha)

9e5f7a57e2b127e75ecfc24011d0185c

Como são os castings

Geralmente a agência te avisa um dia antes sobre o casting, podendo este ser comercial, fashion ou internacional. O fashion é o mais rápido, provavelmente você terá que fazer uma passarela e pronto, já o comercial é mais demorado, eles te pedem para fazer algo relacionado ao job, por exemplo, passar blush enquanto te filmam hahah. No internacional você deverá colocar biquíni e apresentar seu material (book/composite), daí eles provavelmente vão te perguntar umas coisinhas em inglês, mas de acordo com as models é bem tranquilo.

f62e4328b4a83ecbebc769273c420f60

Lidando com o nervosismo

Eu sou uma pessoa bem ansiosa né, então essa é uma das minhas principais dúvidas – como as modelos não ficam nervosas na hora de fazer os castings gente? – segundo elas, o nervosismo existe, mas é preciso ser confiante e acreditar em você para poder dribla-lo. A dica é ir sem pretensões e expectativas, se você pegar o job, ótimo! Se não, sem problemas, a vida continua né mores.

32e295e572496338f7dfcd825527234d

Então people, é isso! Pra quem assim como eu tem pretensões de ir pra São Paulo, acho que vale muito a pena entender antes como é a rotina das modelos por lá e descobrir se você realmente está disposta a enfrentar todos os desafios. Mas tenho certeza que deve ser uma experiência única e proveitosa, se você souber “abocanhar” as oportunidades!

Espero que esse apanhado das dúvidas tenha ajudado como me ajudou. Vocês querem saber mais coisas? Deixe um comentário!

Bjbj, Ceci ❤

Saiba quais são os alimentos mais comuns nas dietas das modelos!

Boa taaarde modeletes!

Hoje o nosso assunto é sobre alimentação! Sim, o cuidado com o que você ingere é essencial na carreira de modelo. Trabalhamos com a nossa imagem e com o nosso corpo, portanto, manter uma dieta equilibrada, saudável e com baixo teor calórico é nosso desafio. Masss… Isso não precisa ser um sacrifício né?

Bom, para entender melhor como é a rotina de alimentação das modelos hoje em dia, fiz algumas pesquisas, li entrevistas e selecionei aqueles alimentos que foram mais citados pelas modeletes em cada tipo de refeição. E então, montei um esqueminha super legal pra gente! Bora ver? Juro que só tem coisa gostosa, vai!

Alimentação café-01

O café da manhã é a primeira refeição do dia, então tenha certeza que ela será bem nutritiva! Você pode combinar ovos mexidos e queijo branco com um suco verde, ou iogurte com granola e frutas. Dê preferência às proteínas, vitaminas e gorduras (boas) e diminua um pouco o carboidrato #dicademiga.

Alimentação almoço-01

No almoço opte por carnes magras, por exemplo frango e peixe. Abuse do prato de verduras, tente deixá-lo bem colorido, vale acrescentar alguns legumes também como abobrinha, cenoura, beterraba, entre outros. Se você for colocar algum carboidrato, prefira os integrais, como arroz ou macarrão integral 😉

Alimentação lanche-01

Entre as refeições principais pode bater aquela fome né? Nessa hora, escolha opções mais leves e naturais. Por exemplo, você pode tomar um iogurte natural com uma fruta, ou um suco de frutas acompanhado de cereais ou castanhas. Mas sempre selecione pequenas quantidades, nada de pegar um pacote de castanhas e ir pra frente da TV heim? hahha

Alimentação jantar-01

O jantar geralmente é a nossa última refeição, portanto ela também precisa ser mais leve, uma vez que dormir com o estômago cheio não é nada bom. Você pode fazer uma sopa de legumes, ou um sanduíche com queijo branco, pode também optar por um prato de salada ou, se tiver a fim de algo mais doce, faça um mingau de aveia, fica uma delícia!

Gente, lembrando que você deve fazer combinações entre os alimentos mencionados pra cada refeição e não ingerir todos eles ok?! Não fiz um cardápio, apenas selecionei algumas das comidas mais presentes nas dietas das models hehe.

Modeletes, essas são apenas algumas dicas viu? Uma coisa muito importante é a nossa saúde e se você quer emagrecer de maneira saudável, procure sempre por um nutricionista! Não vá fazendo essas dietas loucas como se fossem a melhor opção, ok?

Por fim, algumas últimas dicas que também são importantes:

  • Alie sua alimentação à exercícios físicos (principalmente aeróbicos e cardio.)
  • Tente não beber sucos durante o almoço, opte por uma água com limão por exemplo.
  • Se você gosta de chá, aposte no chá verde!
  • Sinta-se feliz com a sua evolução e não desanime se ela demorar para aparecer!

Bom, por hoje é isso gente!

Reforçando que não estou querendo ditar nenhuma dieta aqui viu?! Só estou compartilhando com vocês o que eu pesquisei e achei que poderia ajudar quem está procurando melhorar a alimentação 😉

Gostaram? Foi útil? Deixe um comentário!

Bjbj, Ceci ❤

O que você precisa saber sobre modelar para campanhas de acessórios

Ei modeletes!

A minha experiência em campanhas de acessórios não é tão ampla, mas hoje vim contar pra vocês o que eu já aprendi. Fiz duas campanhas, uma de relógios pra a marca Exaixo e outra de jóias para a marca Prata e Arte e, baseado nesses jobs, vou compartilhar com vocês algumas dicas de amiga model, bora lá?

Estudando referências

Bom, antes de tuuuuudo, estude! Sim, quem disse que modelo não precisa estudar tá por fora viu?! Procure referências de editorias e de poses, se inspire nelas! Na hora do job provavelmente vai haver um quadro com as referências que a marca procura, mas é importante você já ter algumas “cartas na manga” também!

Cuidado com as unhas

Se eles te pedirem para passar um esmalte específico: PASSE O ESMALTE ESPECÍFICO! Hahha, sim gente, por favor, isso é muito importante! Mas caso eles não peçam, procure ir com as unhas bem cuidadas e feitas, passe um nude ou algum esmalte mais suave. (nada de cor, viu?)

unnamed-4

Atenção para os acessórios

Se a campanha é de acessórios, eles precisam ser evidenciados! Por isso, tente realizar poses que cumpram com essa função. Se é um relógio ou uma pulseira, dê atenção ao seu braço e procure uma pose que possa destacá-lo. Se é um colar, cuidado para que seu cabelo não o tampe, a mesma coisa pode acontecer com brincos. Fique atenta model, seja esperta! No caso do job pra Prata e Arte, as fotos eram “closes”, ou seja, não aparecia todo o rosto ou todo o corpo dos modelos, justamente para que o acessório pudesse ser evidenciado mais facilmente. Afinal, é esse o produto que a marca quer vender, não é mesmo?

IMG-20160721-WA0005WhatsApp Image 2017-05-13 at 15.08.07

13709836_1140267972706577_6338769110809662655_n

Mãos relaxadas, dedos levemente esticados

Vamos supor que o fotógrafo queira fazer um close de um anel, então toda a mira da câmera vai ir para a sua mão, certo? Nessa hora, tente manter sua mão beeeem relaxada, estique levemente os dedos e não os deixe muito juntos e nem muito separados. É como se fosse “mão de bailarina” mesmo. Pra saber se está ficando bom, não tenha receio de perguntar para o fotógrafo, ele com certeza vai te auxiliar dizendo o que precisa ser mudado!unnamed-2capa-15

Entregue todos os acessórios com segurança

Terminou de fazer a foto? Tire o acessório utilizado com muito cuidado e o entregue em segurança para quem estiver dando assistência ao shooting. Sério gente, vocês não vão querer estarem envolvidos na perda de algum item né?! Portanto, sejam cautelosos e atentos #dicavaliosa

13681016_1144745422258832_4102518346171086715_n

Bom, creio que esses sejam os principais pontos que eu aprendi fazendo as campanhas. É lógico que cada um tem sua percepção e que provavelmente existem muitos detalhes que ainda preciso aprender, mas espero que esses acima já possam dar uma ajudinha aí pra quem tá começando a modelar!

As imagens (com exceção das do tópico “estudando referências”) são das campanhas que eu fiz, citadas anteriormente 🙂 Espero que gostem!

O que você achou do post? Tem algo a acrescentar? Deixe um comentário!

Bjbj, Ceci ❤

5 modelos brasileiras para seguir no instagram

Hello pessoas!

Se inspirar e ver exemplos é um dos melhores jeitos de aprender, nesse sentido estar em contato com o “lifestyle” das modelos é muito importante. Uma das formas disso acontecer é através das redes sociais, pelas quais você pode acompanhar não só fotos de trabalhos, mas também um pouco da rotina da models profissionais!

Pensando nisso, resolvi indicar pra vocês 5 perfis de instagram que eu sigo e gosto bastante! Bora lá dar um follow?

@daniwitt

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.38.29

Atualmente essa model reside em Nova York. A Dani posta fotos tanto de trabalhos, como de vários momentos rotineiros. Ela é uma modelo bem diferente e super estilosa, as fotos dessa model vão te inspirar com certeza!

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.36.17

@ariwestphal

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.38.29 (6)

Suas últimas fotos tem sido em Nova York também! A Ari é cheia de personalidade, tem um cabelo lindão e todo cheio de cachos. Seu feed conta com fotos lindas e artísticas. Vale super a pena seguir essa model.

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.38.29 (7)

@nataliarenken

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.45.50

Já fiz um post sobre essa linda aqui no blog, claro que ela não podia ficar de fora. A Natália é uma modelo brasileira bem jovem e que está fazendo bastante sucesso atualmente. Há pouco tempo ela estava modelando na Europa, então seu feed tá cheio de fotos turísticas. Também tem muito material de trabalhos, selfies, polas, etc… Vem logo seguir essa musa!

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.45.50 (1)

@moraes_eve

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.38.29 (4)

Também já fiz um post  citando o instagram dessa model. Atualmente ela está em São Paulo, mas vive trabalhando fora do Brasil. Além de um feed cheio de fotos maravilhosas (afinal ela é maravilhosa), a Eve sempre posta stories legais, seja da sua rotina ou dos seus jobs. Bora acompanhar a vida dessa “blonde model”?

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.38.29 (5)@alvesnatiele

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.38.29 (1)

A Natiele tem um feed mais profissional, explico, grande parte das suas fotos são de editoriais ou desfiles. Porém, também é possível ver algumas fotos do lifestyle da model, a maioria com um cenário bem tropical. Ah gente, ela é linda e tem muito o que nos ensinar, bora lá dar um follow!

WhatsApp Image 2017-06-05 at 21.38.29 (2)

É isso people, tem alguma modelo dentre as citadas acima que vocês já conheciam? Tem algum perfil de instagram que vocês indicam? Deixe um comentário!

Bjbj, Ceci<3

Ps: Aproveitem para seguirem meu insta tambéeem hahhaha: @cecivenancio

4 passos para se tornar uma “atriz” em um shooting – Com Lindsay Wixson

Cada shooting tem sua proposta, cada marca tem seu estilo, cada fotógrafo tem suas ideias. Nesse sentido, assim como no teatro, em que o ator precisa se preparar para desempenhar um papel que muitas vezes não condiz com sua personalidade, os modelos também precisam fazer o mesmo na hora de fotografar. Mas como isso é possível?

Primeiro de tudo, temos que estudar a marca e o que ela deseja passar. É uma pegada mais romântica? Mais street? Mais fashion? Saiba o estilo e pesquise sobre ele, veja inspirações e treine!

Na hora de fotografar tente relaxar (sei que é difícil) e se concentre em não ser você! Sim, crie uma personagem, dê um nome e uma personalidade para ela e aja como ela agiria. Parece complexo né? Confesso que talvez seja um pouco, mas acredito que conforme você for se adaptando a esse processo, vai ficando cada vez mais fácil!

E por último, se permita! Isso mesmo, se permita ser outra pessoa, arrisque, se jogue! Sem julgamentos, sem preconceitos, se sinta a vontade e concentre-se na interpretação. Muito importante: ouça as dicas e os conselhos do fotógrafo e aplique-as! Comparando ao teatro, seu fotógrafo é seu diretor hahha.

Então, recapitulando, os passos são:

1- Saiba e estude o estilo e a proposta do shooting.

2- Crie uma personagem fictícia e aja como se você fosse ela 

3- Se permita, se jogue e se sinta a vontade

4- Ouça as dicas e conselhos do fotógrafo

Bom, para exemplificar esse processo de maneira mais visual, escolhi alguns editoriais da modelo norte-americana Lindsay Wixson, famosa por sua boca de coração e seus dentes separados. Bora ver e se inspirar?

NOVEMBRO 2016 HARPER’S BAZAAR RUSSIA 

Nesse editorial, podemos identificar um estilo mais fashion, mais conceitual. Consigo sentir uma suavidade no olhar e na expressão da Lindsay, é como se ela estivesse despreocupada, sabe? A boca entreaberta aparece bastante também.

Este slideshow necessita de JavaScript.

MAIO 2017 – HARPER’S BAZAAR UK

Esse editorial tem uma pegada mais romântica, com o cenário cheio de flores e uma paleta de cores bem vívida! A Lindsay tem a expressão mais delicada na maioria das fotos e seu olhar é sempre bem presente.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 JUNHO 2017 – ELLE UK

Por último, esse editorial é um pouco mais sensual (mas não tanto). O cenário é bem natural, com a presença de mar, cachoeira e mato. O styling é bem colorido e brilhante. A modelo tem um olhar mais forte e poses com mais movimento.

Este slideshow necessita de JavaScript.

É isso gente! Espero que vocês tenham gostado =)

Qual nome vocês dariam para cada uma das “Lindsays”? Deixe um comentário! Hahah

Bjbj, Ceci ❤

Como devo desfilar de acordo com cada tipo de desfile?

Ei modeletes, vocês sabiam que cada tipo de desfile exige uma passarela diferente? Pois é, dependendo do estilista ou da marca, a maneira como as modelos devem se portar muda totalmente! Isso é de extrema importância e deve ser bem estudado, assim você vai poder cumprir com a proposta do desfile e dar um show…

Então, bora aprender sobre desfiles e suas peculiaridades?

Desfile alta costura

Esses desfiles geralmente são bem mais sofisticados e refinados, exigem uma produção super complexa e contam com uma platéia bem selecionada. Nesse sentido, a postura das modelos deve ser a mais elegante possível, o andar é bem lento e suave, ou seja, sem movimentação brusca de quadris. Veja alguns exemplos:

Desfile prêt-à-porter

Em francês prêt-à-porter quer dizer “pronto para vestir” e é o segmento, em relação ao preço, intermediário entre alta costura e fast-fashion. Apesar de ter menos exclusividade do que a alta costura, é um segmento ainda destinado a um público com maior poder aquisitivo. Nos desfiles, o andar é um pouco mais rápido e um tanto quanto “robotizado”. Veja os exemplos:

Desfile comercial

Assim como o nome já diz, são roupas para comercialização, para uso, inspiradas nos desfiles conceituais. O conceito pode ser apresentado de uma forma mais comercial, em que o designer evidencia a roupa e não a ideia.  Nesses desfiles, o andar dos modelos geralmente é mais rápido, há uma movimentação maior de quadris e braços também, mesmo que de forma sutil. Veja os exemplos:

Desfile Victoria’s Secret

Coloquei esse desfile em específico porque é um caso a parte hahah. Os desfiles da Victoria’s Secret são super sensuais e artísticos. Assim, as modelos podem brincar com a platéia, fazer poses, movimentar bastante o quadril e andarem pra lacrar mesmo! Esses desfiles também contam com a presença de famosos e shows. Olha só os exemplos:

Nem preciso comentar dessas “angels” né? Senhor amado, pra que tanta beleza reunida? Hahaha

Mas é isso models, cada desfile tem sua peculiaridade e a melhor forma de se preparar é entender a proposta do designer e estuda-la! É claro que também tem os ensaios anteriormente que vão te ajudar muito a entrar no clima do desfile né!

Espero que tenham gostado do post! Deixe seu comentário 😉

Bjbj, Ceci ❤

 

Blogueiras são modelos? – Com Flávia Linden do blog Fashion Coolture

Com a ascensão das redes sociais e da potencial fama que elas proporcionam, é cada vez mais presente o surgimento e o sucesso das blogueiras de moda. Estas, ganham dinheiro com postagens no instagram, vídeos no youtube e até mesmo com fotos para certas marcas. Opa! Fotos para marcas? Mas isso não é o trabalho de uma modelo? Então, as blogueiras viraram modelos? Oi?

df9e16a13c814fa18a61f89f36c1d485

Bom, se considerarmos a definição de modelo como “uma pessoa que serve de imagem, forma ou padrão a ser imitado, como fonte de inspiração” então sim, as blogueiras podem ser consideradas modelos, tendo em vista a influência que elas geram atualmente no mercado da moda. Mas, quando consideramos “ser modelo” como uma profissão, na qual existem regulamentações, agenciamento, estudo, casting, entre outros processos, não podemos intitular uma blogueira como modelo apenas porque ela faz fotos remuneradas.

Ok, mas qual é a implicação disso tudo? A implicação é que, cada vez mais as revistas tendem a fazer editoriais com blogueiras e influencers pelo maior engajamento gerado por tais. Então será que isso pode prejudicar o trabalho das modelos tradicionais futuramente? Não consigo afirmar isso pra vocês, mas com certeza é um tido de concorrência a ser considerado. 

22578117
Blogueira Martina Ritter (no meio)  sendo fotografada para um editorial de Reinaldo Lourenço para a Vogue
01
Camila Coelho em editorial para Morena Rosa

Bom, com esse post, não quero de forma alguma criticar as blogueiras ou seu trabalho, pelo contrário, aprecio muito o que elas fazem e sei que não é tão fácil como muitos imaginam. Só quero deixar claro que blogueira não é modelo profissional e existem muitas diferenças entre esses dois trabalhos. E, para falar um pouco mais sobre isso, entrevistei a maravilhosa Flávia Linden, criadora do blog Fashion Coolture e dona do perfil com o ranking mais popular do mundo no site Lookbok.nu. Ela vai nos contar um pouco sobre a sua carreira como blogueira e nos dizer se ela se sente ou não como uma modelo no seu trabalho.

fashioncoolture-18-05-2017-look-du-jour-shoulder-veludo-2

Bora lá ler esse papo delícia?

Conte um pouco sobre sua evolução como blogueira, desde quando teve a ideia inicial de criação do blog até os dias de hoje, fale sobre o processo, desafios e conquistas. 
Comecei o blog depois de alguns meses postando no lookbook.nu ainda no final de 2009. No começo de 2010 eu estava formada em direito, mas estava adorando fotografar looks e postar na internet, por isso resolvi criar o FashionCoolture. Não tinha grandes pretensões com o meu trabalho, mas fazia simplesmente porque adorava fotografia e internet. Já nos primeiros meses algumas marcas entraram em contato, assim como o canal GNT e comecei a descobrir novas possibilidades.
Sempre tivemos uma preocupação bem grande com o conteúdo, qualidade das fotos, e, de certa forma isso nos deu destaque e conquistou alguns clientes bem bacanas. Ser convidada para trabalhar com marcas que admiro é simplesmente incrível, assim como as viagens e o contato com os leitores, tudo isso é muito especial. Mas existe muita dedicação, amo meu trabalho, mas nem tudo é esse glamour que as pessoas imaginam!
 
lookbook flavia
Perfil da Flávia no Lookbook.nu
 
Você se considera uma modelo? 
Não. Já fui chamada para fazer alguns trabalhos como modelo para lookbooks ou campanhas e definitivamente não levo o menor jeito para a coisa. Sou muito tímida e só funciono bem na frente da câmera quando estou no comando da produção e da direção de fotografia. Preciso me sentir à vontade e confiante com as escolhas de roupas e poses.
 
Você acredita que, atualmente, as blogueiras são capazes de ditar tendências por si só? 
Sim, hoje são muitas as fontes de informação e certamente os blogs tem seu lugar. Não por acaso as marcas passaram a ficar de olho no street style e nas bloggers, já que em alguns casos as tendências passaram a ser ditadas pelas ruas e por pessoas reais.
 
5154434_sem_tc3adtulo0550
Como você consegue parcerias com marcas? Elas te procuram ou você que as contacta? Existe alguma produção/agência que te ajuda ou te auxilia nesse processo?

O processo de parcerias no blog foi muito natural e gradual. Nos primeiros anos eu nem sabia como monetizar esse trabalho então aguardava o contato de marcas. O trabalho no Lookbook.nu também abriu muitas possibilidades e marcas internacionais também acabaram conhecendo meu trabalho e entrando em contato. Ainda hoje não tenho nenhuma agência que me represente, todos os meus contatos são feitos por email diretamente comigo.

Sobre se sentir confortável diante de uma câmera… Como você se desenvolveu? Teve alguma ajuda ou foi algo que veio naturalmente?

Eu comecei fazendo auto retrato, tipo a selfie de antigamente né? Tinha recém me mudado para uma nova cidade e ficava muito tempo sozinha, por isso as fotos eram um ótimo passatempo. Assim fui aprendendo sozinha a encontrar meus melhores ângulos e a compor looks e pensar em poses… Não foi nada planejado, apenas uma forma de ocupar o meu tempo livre e de me expressar. 
 
d590e306a84d0b21e4123a448477f235
 
Por fim, o você acha que te diferencia das modelos profissionais atualmente?

Como disse anteriormente não me considero uma modelo, pois além de não ter as medidas tradicionais, altura, etc, também não tenho toda a desenvoltura que modelos profissionais tem diante de uma câmera. Então acho que o maior diferencial além das questões físicas, é a autonomia para comandar meus trabalhos para que eu me sinta confiante nas fotos!

O perfil do blog Fashion Coolture no instagram é @fashioncoolture e por lá você encontra fotos lindas e muitas inspirações, merece um “follow” com certeza!

 
falvia insta 2
 

Espero que vocês tenham gostado do post! Digam nos comentários o que vocês acham sobre essa relação entre carreiras – modelo e blogueira, pra vocês é diferente ou não?

Bjbj, Ceci ❤